"Na vida cristã, se você quiser permanecer em pé, você precisa viver de joelhos"
Saule Luiz Pinheiro Goedert

Introdução às cinco linguagens do amor

As cinco linguagens do amor - Parte II

As cinco linguagens do amor - Parte III

As cinco linguagens do amor - Parte IV e V

Deus sempre está interessado na restauração do seu povo

Despedida do João Costa

Participação no Louvor no Congresso de Adolescentes na Congregação Vale da Bênção em Jonville - SC

Textos por Pb. Saule Luiz Pinheiro Goedert

28 de ago de 2011

EVANGELISTA FABIANO GIACOMELLI - AS RAZÕES DA VITÓRIA DA CRUZ

Nesta última sexta-feira, dia 26 de agosto de 2011, tivemos a abertura da festividade em torno do aniversário do círculo de oração feminino Colunas do Rei e do círculo de oração masculino Intercessores do Rei. Ministrando a palavra de Deus nos três dias que se seguiram, tivemos o Evangelista Fabiano Giacomelli acompanhado de sua esposa e, nos louvores contamos com a participação do casal Luiz e Camila Fortes ambos, preletor e cantores, do Rio Grande do Sul. Em seguida estaremos acompanhando um breve resumo da mensagem pregada nesta mesma noite ou pelo menos parte dela, pois o tempo disponibilizado ao preletor foi muito aquém da sua necessidade devido à presença de várias congregações locais convidadas para participar desta festividade. Antes de iniciar sua mensagem, o Evangelista Fabiano Giacomelli, fez suas considerações pessoais ao nosso Pastor distrital, Pastor Kleber da Silveira, aos obreiros e a todos os demais presentes na ocasião. Seguidamente apresentou alguns dos materiais disponíveis que acompanham seu ministério, donde pudemos adquirir duas de suas apostilas abordando temas relacionados e direcionados para a família, mais especificamente para os casais.
Para discorrer sua mensagem o Evangelista Fabiano Giacomelli utilizou o texto de Lucas 23. 33-43, que diz: "33 E, quando chegaram ao lugar chamado a Caveira, ali o crucificaram, e aos malfeitores, um à direita e outro à esquerda. 34 E dizia Jesus: Pai perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem. E, repartindo as suas vestes, lançaram sortes. 35 E o povo estava olhando. E também os príncipes zombavam dele, dizendo: Aos outros salvou, salve-se a si mesmo, se este é o Cristo, o escolhido de Deus. 36 E também os soldados o escarneciam, chegando-se a ele, e apresentando-lhe vinagre. 37 E dizendo: Se tu és o Rei dos Judeus, salva-te a ti mesmo. 38 E também por cima dele, estava um título, escrito em letras gregas, romanas, e hebraicas: ESTE É O REI DOS JUDEUS. 39 E um dos malfeitores que estavam pendurados blasfemava dele, dizendo: Se tu és o Cristo, salva-te a ti mesmo, e a nós. 40 Respondendo, porém, o outro, repreendia-o, dizendo: Tu nem ainda temes a Deus, estando na mesma condenação? 41 E nós, na verdade, com justiça, porque recebemos o que os nossos feitos mereciam; mas este nenhum mal fez. 42 E disse a Jesus: Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino. 43 E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no Paraíso."
Acompanhe portanto o texto e abaixo deixe seu comentário para abrilhantar o conteúdo deste blog.

"Se hoje estamos aqui é porque existem homens e mulheres do círculo de oração que oram a nosso favor e pelo nosso ministério.
Quero correlacionar o tema desta festa com a seguinte proposta, As razões da vitória da cruz. Minha propriedade é voz falar sobre o elemento pelo qual obtemos as nossas vitórias, a mensagem da cruz, originada na cruz. As mensagens que dela derivam são infalíveis quanto a sua eficácia. O amor de João 3. 16, onde encontramos 'Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna' teve seu ápice revelado na cruz de Cristo. O Apóstolo Paulo centralizou a sua teologia na cruz de nosso salvador. As estacas de seu ministério foram fundamentadas na cruz, por isso, seu ministério teve êxito. Paulo disse que se a cruz para alguns é loucura, para os que crêem é o poder de Deus. Se pregarmos o evangelho sem cruz, o pregaremos sem renúncia e sem salvação, sendo assim, podemos chamá-lo de qualquer coisa, menos de evangelho. Pegue a cruz de Cristo e o diabo sairá de marcha-ré. Traga teologia, poesia, antropologia e tudo isto está morto se não trouxer a cruz de Cristo.
Estou preocupado com nossos púlpitos que estão trazendo muito blá-blá-blá e buscando status porque há falta de cruz na vida de algumas pessoas. A Assembléia de Deus só é centenária por causa da mensagem simples da cruz de Cristo. Vejamos as razões da vitória da cruz em nossa vida. O diálogo entre Cristo e os malfeitores desenvolveu-se em pelo menos quatro ou cinco razões.

A primeira razão do poder da vitória da mensagem da cruz, encontramos no versículo 38, que diz: E também por cima dele, estava um título, escrito em letras gregas, romanas, e hebraicas: ESTE É O REI DOS JUDEUS.’ Quando Pôncio Pilatos mandou colocar sobre a cruz deCristo em letras gregas, romanas e hebráicas uma descrição a respeito de Cristo. Aquilo que Pôncio Pilatos achou que seria motivo de escárnio e vergonha para Cristo, se tornou uma mensagem profética para todos os povos e todas as nações existentes naquela época. Todo o contexto social da época estava centralizado sobre estes três povos. A cruz expressa uma mensagem para todos os povos para todas as tribos e para todas as línguas. É a resposta para o africano mas também é para o alemão e para o italiano. É a resposta para os jovens mas também é para os idosos. O que a ciência não responde o Cristo crucificado responde. Eu quero vos declarar que este poder está derramado sobre esta igreja, mas tem um detalhe, esta mensagem não pode ficar entre quatro paredes. Essa idéia de colocar o terno e a gravata legalista deve ser derrubada, pois precisamos levar esta mensagem para fora da cidade, do estado e alcançarmos o mundo afora. Se você não consegue derramar uma lágrima pelas pessoas que estão perdidas em seus caminhos, aceite e receba esta palavra.

Segundo lugar da vitória plena da cruz está revelado nos versículos 40 e 41, que diz: ’41 Respondendo, porém, o outro, repreendia-o, dizendo: Tu nem ainda temes a Deus, estando na mesma condenação? 42 E nós, na verdade, com justiça, porque recebemos o que os nossos feitos mereciam; mas este nenhum mal fez.’ O diálogo entre os dois malfeitores revela que um deles zombava de Jesus enquanto o outro dizia, ‘tu nem ainda temes a Deus’. Colegas observem a cena, um de um lado e outro, do outro lado enquanto a cruz de Cristo estava no meio eles dialogavam, ‘nós estamos aqui porque merecemos, mas este que mal fez?’.Quem sabe aquele ladrão traz a sua memória quantas vezes viu Jesus perdoar pecados, curar os enfermos e nunca viu Ele fazer sequer um mal a ninguém. Quanto a mulher pega em ato de adultério, Jesus escrevia no chão enquanto as pessoas acusavam ela e de repente Ele se levantou e disse, ‘aquele que não tem pecado que atire a primeira pedra’ e logo todos foram embora e Jesus disse a mulher: ‘Vá em paz e não peques mais’.Eu me lembro quando Ele entrou na casa de Zaqueu que era um pecador e foi transformado pelo poder de Deus. Nós pecamos, mas este nenhum mal fez’. A segunda razão da vitória da cruz é que quando olhamos para a cruz vemos a total santidade de Deus. Ele é santo, santo, santo. O Deus que você serve é o Deus que ama o pecador mas abomina o pecado. Deus é santo, o filho é santo e o Espírito é santo. Com Deus eu sou ou eu não sou, eu tenho ou eu não tenho. Uma das fraquezas do evangelho atual é muito blá-blá-blá e pouca prática, muita teoria e pouca aplicação. Eu conheço o pregador não pela sua eloquência mas pelo que ele é fora do púlpito. Eu termino agora e quero dar glória a Deus porque em meio a um evangelho antropocêntrico que significa ter o homem como o centro, eu não tenho nome, nem renome e vocês me escolheram para glorificar a Deus juntamente com vocês. Quem se assenta no trono é Jesus e se Ele está assentado no trono é Ele quem governa e, se Ele governa então faz o que bem quiser, Ele cura, levanta, batiza, etc. Com Deus não tem duplicidade de caráter.

Em terceiro lugar vemos o malfeitor completamente transformado do interior para o exterior. Ele começa a dizer, ‘Senhor... lembra-te de mim’. O senhorio de Cristo dominou a natureza carnal que passou a ser dominada pela natureza de Cristo. A cruz destrói coisas que ninguém tem condições de destruir. Quando somos impactados pelo poder da cruz, nós vencemos as guerras espirituais e o nome do nosso Senhor Jesus é glorificado. Eu vim disposto a pregar a cruz de Cristo esta noite.

Amanhã, estaremos ministrando sobre o seguinte tema: ‘Vencendo a morte dentro de casa’. Hoje Deus me disse para abrir o congresso com a base da vitória da igreja. I Coríntios 1. 18-25, diz: ‘ 18 Porque a palavra da cruz é loucura para os que perecem; mas para nós, que somos salvos, é o poder de Deus. 19 Porque está escrito: Destruirei a sabedoria dos sábios, E aniquilarei a inteligência dos inteligentes. 20 Onde está o sábio? Onde está o escriba? Onde está o inquiridor deste século? Porventura não tornou Deus louca a sabedoria deste mundo? 21 Visto como na sabedoria de Deus o mundo não conheceu a Deus pela sua sabedoria, aprouve a Deus salvar os crentes pela loucura da pregação. 22 Porque os judeus pedem sinal, e os gregos buscam sabedoria; 23 Mas nós pregamos a Cristo crucificado, que é escândalo para os judeus, e loucura para os gregos. 24 Mas para os que são chamados, tanto judeus como gregos, lhes pregamos a Cristo, poder de Deus, e sabedoria de Deus. 25 Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.’ Quando a natureza da carne é quebrada através da cruz ela começa a promover e a usar coisas que só ela pode usar. Paulo diz que Deus escolheu as coisas vis deste mundo para confundir as sábias e, que escolheu as fracas para confundir as fortes, as desprezíveis para confundir as coisas que são valorizadas. A cruz vai usar dois métodos que Paulo desenvolve que eu simplesmente não encontro explicação nem definição teológica para explicar isso. Olha o que Paulo fala que a fraqueza de Deus e a sua loucura é mais forte e sábia que os homens. Definição? Que testifique no seu espírito. Se há uma loucura e fraqueza em Deus é Ele pegar Fabiano Giacomelli Vulgo Jacó, mulherengo, brinco, bebida, pagodeiro, etc, onde as pessoas diziam, coitado, não tem jeito, não vai dar nada’ e Deus diz: ‘Fala mais que daqui a pouco eu pego ele e vou usá-lo em minhas mãos. Tu és a loucura e a fraqueza que Deus quer usar!"

Resumo Da Mensagem Pregada Pelo

Evangelista Fabiano Giacomelli

Congresso Do Círculo De Oração

Colunas Do Rei E Intercessores Do Rei

Congregação Do João Costa

Distrito XXIII

6 comentários:

  1. Realmente, Pb. Saule, a nossa vitoria vem da cruz.Jesus renunciou tudo por nós,abdicou do seu trono de glória, da sua divindade, e nós...? O que deixamos por ele? A Bíblia diz : ´´ aquele que quiser ganhar a sua vida, perde-la-á, e qualquer que renunciar a sua vida por mim, diz o Senhor, ganha-la-á.Que Deus possa continuar abençoando a sua vida e o seu ministerio cada vez mais.Paz do Senhor.

    ResponderExcluir
  2. Graça e Paz Presbítero Sandro Gonçalves,

    É sempre uma grande alegria recebe-lo neste blog com seus comentários que enriquecem o conteúdo aqui apresentado.
    Somos convidados por Cristo a todos os dias levarmos a nossa cruz e segui-lo, incondicionalmente, porém são pouquíssimos os que renunciam o suficiente para atender este chamado em sua plenitude.

    Grande abraço e esteja sempre nos acompanhando. Saiba que a sua vida é uma benção para nossas vidas.

    ResponderExcluir
  3. Paz do Senhor

    Obrigado por visitar nosso blog, você será sempre bem vindo.A igreja de Joinville tem o privilégio de ter o pastor Kleber junto com vocês nesse ministério. Ele é meu amigo e meu pai na fé.

    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Graça e Paz Escola Bíblica Dominical,

    É uma alegria recebe-lo em nosso blog e muito mais em saber que nosso Pastor é seu pai na fé. Para nós a vinda do Pastor Kleber para o João
    Costa tem sido uma grande benção.

    Um forte abraço.

    ResponderExcluir
  5. Graça e Paz Mirela,

    Obrigado pela visita, seja sempre bem vinda!

    ResponderExcluir

Você Poderá Gostar Também de: